24 de jul de 2012

Pra Você Dar o Nome


Deixa pra lá
Que de nada adianta esse papo de agora não dá.
Que eu te quero é agora e não posso nem vou te esperar,
Que esse lance de um tempo nunca funcionou
Pra nós dois.
Sempre que der
Mande um sinal de vida de onde estiver dessa vez
Qualquer coisa que faça eu pensar que você está bem,
Ou deitada nos braços de um outro qualquer
Que é melhor
Do que sofrer
De saudade de mim como eu to de você
Pode crer,
Que essa dor eu não quero pra ninguém no mundo,
Imagina só, pra você.
Quero te ver
Dando voltas no mundo indo atrás de você,
Sabe o que?
E rezando "prum" dia você se encontrar
E perceber
Que o que falta em voce sou eu. 

Um comentário: